26 fevereiro, 2010

Batman vence SuperHomem

O incrível mundo da banda desenhada continua a surpreender. Depois dos elevados valores pagos em leilões europeus, realizados no ano passado, por obras de autores como Hugo Pratt, Bilal, Moebius, entre outros, surge agora a noticia que no outro lado do Atlântico, num curto espaço de tempo, o recorde do valor pago por um único comic, foi batido por duas vezes.

No inicio da semana, um exemplar do comic Action Comics #1 de 1938, com a primeira aventura do Super-Homem, avaliado numa escala de conservação com 8.0 em 10, foi vendido pela espantosa quantia de $1,000,000 (um milhão de dólares) batendo assim um antigo recorde do valor pago por um outro exemplar da mesma revista.
Surpreendentemente, três dias depois, um exemplar do comic Detective Comics #27 de 1939, onde surge pela primeira vez Batman (ver imagem), também avaliado em 8.0 em 10, com um preço de capa de 10 cêntimos, é vendido pelo valor de $1,075,500 (um milhão setenta e cinco mil e quinhentos dólares) vencendo assim o Super-Homem e tornando-se na publicação de BD mais cara de sempre, pelo menos até.... hoje!

Relacionado com a temática do valor da BD também se pode ler aqui.

1 comentário:

Manuel Frederico disse...

Tanto dinheiro para 2 bds que não se podem ler apesar do seu valor historico de ambas.
Dava para ter paletes de tpbs e muitos muitos comics.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...