17 janeiro, 2011

Portugal 25 Anos Depois

O simples anúncio que o Centro de Informação Europeia Jacques Delors (CIEJD) vai fazer amanha, nas suas instalações no Cais do Sodré, a apresentação pública de uma edição comemorativa do 25º aniversário da entrada de Portugal na União Europeia, não teria à partida para mim qualquer interesse, até porque me assumo como um eurocéptico. No entanto por se tratar de uma publicação que se apresenta no formato de banda desenhada justifica a sua divulgação aqui.

Trata-se de uma pequena brochura. intitulada Portugal 25 Anos Depois, da autoria dos portugueses Rui Alves, Teresa Cardia e António Valjean, que tem como ideia base o de explicar aos mais jovens o que mudou em Portugal nos últimos 25 anos por força da nossa integração em 1 de Janeiro de 1986 na então Comunidade Europeia.
Ao longo de 12 páginas, uma história simples que decorre ao longo de uma conversa entre um avô e os seus netos durante uma viagem de carro entre Trás-os-Montes e Lisboa, é aproveitada para apresentar um Portugal diferente, europeu, como resultado de profundas transformações e alterações com impacto nas mais diversas áreas como a educação, o ambiente, a saúde, a segurança alimentar, os serviços, moeda única, etc, revela-se um registo bastante eficaz.

A titulo de curiosidade refiro que já não é a primeira vez que a União Europeia, por intermédio de qualquer um dos seus organismos, utiliza como o suporte de banda desenhada como um meio privilegiado de comunicação, tendo já publicado em língua portuguesa o álbum Águas Perigosas, numa edição do Parlamento Europeu.

As duas bandas desenhadas referidas anteriormente, podem ser obtidas gratuitamente, em formato digital, através dos seguintes links:

- Portugal 25 Anos Depois
- Águas Perigosas

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...