16 fevereiro, 2011

Lançamentos, lançamentos e lançamentos

Preparam-se duas mãos-cheias de de novidades de banda desenhada para os próximos meses. A saber:

  • Novidades BookSmile
É amanhã que estará à venda o novo livro Scott Pilgrim e a Tristeza Infinita, o terceiro volume da BD criada por Bryan Lee O’Malley. Depois do lançamento em simultâneo dos dois primeiros volumes, Scott Pilgrim Na Boa Vida (volume 1) e Scott Pilgrim Contra o Mundo (volume 2), durante o festival Amadora BD em Novembro passado, temos agora a continuação desta série de culto.

Sinopse da editora:
«O novo amor de Scott Pilgrim, Ramona Flowers, tornou-lhe a vida um pouco mais complicada. Ela tem sete ex-namorados maléficos que estão a aparecer, um por um, para o desafiarem a ganhar o direito de estar com ela.
E o ex-namorado n.º 3, Todd Ingram, chega com uma surpresa extra: a sua actual paixão é o antigo amor da vida de Scott Pilgrim! Envy Adams despedaçou o coração de Scott há um ano e meio. Agora está de volta, com a sua banda de art-rock maléfico, The Clash At Demonhead.
Ela quer que a banda de Scott faça a primeira parte do seu concerto, dentro de dois dias – tempo mais do que suficiente para Scott lutar com Todd, esquecer a Envy, fazer a Ramona feliz, esquivar-se aos avanços de ex-namoradas descontroladas e ensaiar o novo alinhamento. Certo?»


  • Novidades ASA
A editora ASA prepara-se para lançar ainda durante este mês o quarto álbum da série Borgia, de Jodorowsky e Manara, intitulado Tudo é Vaidade que encerra esta colecção.

Sinopse da editora:
A expedição a Itália do Rei Carlos VIII de França termina em Nápoles com o afogamento do soberano nas lavas incandescentes do Vesúvio. Liberto do compromisso sacerdotal pelo seu pai, César Bórgia sonha reconquistar o país…

Mais lançamentos deste mês, prendem-se com reedições de Tintin e Lucky Luke, e aguarde-se a todo o momento que os dois volumes de Corto Maltese em capa dura, já anunciados no ano passado, Sob a Bandeira dos Piratas e Longínquas Ilhas do Vento, cheguem finalmente aos escaparates das livrarias.

Adicionalmente há novidades sobre a série Murena, onde está a prevista a edição de três volumes ao longo deste ano, sendo que dois deles, os equivalentes aos volumes 3 e 4 da série original serão publicados em Abril próximo, em formato álbum duplo em capa mole - integrado na nova colecção do jornal Público “Os Incontornáveis” - e em capa dura à venda nas lojas da FNAC. O quinto volume estará agendado para Maio deste ano.


  • Vêm aí Os Incontornáveis de Banda Desenhada
A nova colecção de banda desenhada do Público em parceria com ASA terá a designação de Os Incontornáveis de Banda Desenhada.
Será composta por 12 álbuns com histórias duplas ou triplas, que abarcará diversos estilos e autores da bd franco-belga.
Com inicio a 2 de Março, esta nova colecção que publicará, histórias e aventuras de Valerian, Largo Winch, I.R.$ ou Vagabundo dos Limbos, entre outros, tem como grande mérito o de apresentar quase na sua totalidade histórias ainda inéditas em Portugal, de recuperar séries esquecidas, de fechar séries, de iniciar novas séries. Portanto uma colecção a reter. Mas sobre esta matéria ainda falarei mais lá para diante.

Boas Leituras!

3 comentários:

RuiR disse...

É só boas noticias.
Já estive com os livros do Corto e fiquei muito bem impressionado com a edição.
Os livros não são baratos, mas a qualidade está excelente, e ainda trazem um brinde adicional. A ideia de acompanhar o livro com uns postais/gravuras acaba por adocicar o preço.
Mais uma bela prenda da ASA.
Estamos a ficar mal habituados :-)

Abraço

verbal disse...

Olá Rui, esta nova edição do Corto está de facto muito boa. Eu tenho o primeiro volume - MU - e o único senão é mesmo como tu dizes, o preço até porque a edição da Casterman é mais barata. Os brindes começam a ser agora moda! Vou ver se coloco essas gravuras no eBay para ajudar a amortizar o preço do álbum... eheheh
Abraço

refemdabd disse...

Acharam bons?! Eu acho uma robalheira, e ainda não vi o sentido de um dos livros ter só um bocadinho do ciclo do Signo do Capricórnio, saltando inclusivamente o início; e o segundo tem apenas dois capítulos do ciclo na Amazónia! Por 27,5 euros cada?! Ao menos o Mú tem a aventura completa. Será que a ASA perdeu o barco da co-edição nos anteriores?! Será que quem nunca leu as aventuras do Corto Maltese vai devidamente perceber o desenrolar das mesmas com base nestes novos livros? Eu acho que não. Acho que vão andar aos papéis.

Os "brindes" foi a FNAC que os deu e não a ASA, pelo que me parece. Os postais fazem parte de uma caixa de colecção com cerca de 10 anos, esteve à venda por quase 3 contos, e ninguém lhes pegou! Por sinal ofereceram-me essas caixas (Corto; Jill Bioskop; Astérix) há muitos anos, e são uns belos postais. Ainda bem que decidiram livrarem-se deles assim. Já a gravura, enfim... melhor que nada.

Abraço.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...