18 novembro, 2012

A NetCom2 Editorial chega a Portugal


Quem tivesse ido ao Fórum Luís de Camões, durante qualquer fim-de-semana do Amadora BD, recebia à entrada o primeiro número da BD Net magazine. Esta revista, bimensal e de distribuição gratuita, marca a chegada ao mercado português da NetCom2 Editorial, a segunda maior editora de BD franco-belga no pais vizinho. Com um catalogo vasto e bastante interessante porque assenta sobretudo em séries clássicas herdeiras da linha clara do franco-belga. Nele encontramos títulos como Alix, Vasco e Yoko Tsuno para citar alguns já publicados entre nós, e outros como Lefranc, Jhen, Lois, Keos das séries criadas por Jacques Martin.
Para o mercado português, em Janeiro do próximo ano, a NetCom2 Editorial arranca numa primeira fase com três séries. Teremos Keos, da autoria de Jacques Martin e Jean Pleyers, As Investigações de Margot, da autoria de Olivier Marin e Emilio Van der Zuiden e A Ultima Profecia, da autoria de Gilles Chaillet.
Uma nota (de excelente) para o site desta editora (disponivel aqui), que se apresenta como um novo paradigma nas relações com o consumidor/leitor. Toda a informação que queremos encontrar está lá. Inclusive o download da revista BD Net. Não encontro paralelo no funcionamento das editoras de banda desenhada em Portugal. E não deve existir melhor cartão de vista. Só posso desejar um enorme sucesso desta editora em Portugal. Para terminar ficam algumas imagens das belas surpresas que nos esperam a partir de Janeiro.

Colecção Keos
Página interior de Osíris

Colecção As Investigações de Margot
Página interior de O Mistério do Traction 22

Colecção A Última Profecia

2 comentários:

Optimus Prime disse...

O FB anda caro 15 euros cada album com metade das paginas de outras bds nas livrarias com histórias completas.Vai ser preciso sorte para vingarem e tambem uma boa distribuição senão "morre" a nascença.

Nuno Neves disse...

Viva Optimus, a editora não se lançaria no mercado português sem algumas garantias. Quanto ao preço de € 15 anda em linha com as edições fb da ASA, mas concordo que andam caras. Aliás a bd anda cara em Portugal. Vejo as novas edições de outras editoras como outro género de histórias e fazem-se pagar bem. É o preço de um mercado de pequenas tiragens. Abraço

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...