13 fevereiro, 2014

Regressam Calvin & Hobbes


É outra boa noticia deste ano. A reedição da colecção completa de Calvin & Hobbes em português pela editora Gradiva, em novo formato. Para esta decisão, terá provavelmente pesado o facto do criador da série, o americano Bill Watterson ter vencido o grande prémio do Festival Internacional de Banda Desenhada de Angoulême, na edição deste ano. E temos igualmente o facto de alguns dos álbuns que compõem a colecção, que a Gradiva editou a partir de 1992, se encontrarem há muito esgotados. Tudo junto conduz à excelente oportunidade de reedição de uma das mais populares bandas desenhadas que existe. Felizmente para nós leitores portugueses!

Para já está reeditado O Essencial de Calvin & Hobbes (ver capa acima) que compila as histórias publicadas nos álbuns Calvin & Hobbes e Há Monstros Debaixo da Cama. Segue-se O Indispensável de Calvin & Hobbes (ver capa abaixo) que reúne os álbuns A Noite da Grande Vingança e Progresso Científico... uma Treta!


A colecção é composta pelos restantes títulos:

Páginas de Domingo
Plácidos Domingos
Viva o Alasca!
Monstros de outro Planeta
O Ataque dos Demónios da Neve
Que Dias tão Cheios!
O Tigre Assassino Ataca de Novo
Parabéns, Calvin & Hobbes
Há Tesouros por Toda a Parte
É um Mundo Mágico
Calvin & Hobbes a Última Antologia


Sobre a decisão de publicação, fica o comunicado da editora:

A Gradiva, que lançou e publicou a obra completa de Bill Watterson, vai reeditar, a partir do mês de Fevereiro, todos álbuns da série. Já em Fevereiro, reedita O Essencial de Calvin & Hobbes. Com o objectivo de divulgar junto das novas gerações (para adultos, jovens e crianças) uma série absolutamente única na história do cartoon, a Gradiva vai reeditar todos os álbuns que se encontravam esgotados.

A Gradiva iniciou a publicação da série Calvin & Hobbes em 1992 com um álbum com o mesmo título ao que se seguiu a publicação de todos os outros livros da colecção cujo enorme sucesso ditou na altura a reedição consecutiva da obra.

Para Guilherme Valente, editor da Gradiva, que, curiosamente, descobriu a série no jornal South China Morning Post de Hong Kong e a levou aos seus amigos do então nascente jornal Público, quando preparavam o número zero, que o acolheram com muito entusiasmo (mais particularmente Henrique Cayatte que logo o quis editar, de tal modo que Guilherme Valente costuma gracejar dizendo que o Calvin teve em Portugal dois pais) - «A obra de Bill Watterson é absolutamente única, um clássico, e, por isso, aproveitando o facto de as tiras estarem agora a ser republicadas pelo jornal Correio da Manhã, decidimos relançar todos os álbuns investindo significativamente na promoção desse lançamento, porque achamos que a série merece absolutamente ser lida pelas novas gerações.»

Bill Watterson, o autor da série Calvin & Hobbes, nasceu em Washington DC em Julho de 1958. Formou-se em Ciência Política no Kenyon College em 1980 tendo começado a trabalhar de seguida no Cincinnati Post como cartoonista. As tiras Calvin & Hobbes foram publicadas pela primeira vez em Novembro de 1985 e hoje em dia estão traduzidas em mais de 40 línguas tendo vendido cerca de 30 milhões de exemplares em todo o mundo.


3 comentários:

Diogo Semedo disse...

Sei que tinhamos falado do Blake & Mortimer, mas se calhar falar desta reedição do primeiro livro de Calvin seria mais actual.

O que acha Nuno?

Nuno Neves disse...

Olá Diogo, esta edição é mais «fresca» por por outro lado a coluna não é dedicada à BD franco-belga? Por mim é igual. Abraço

SketchbookPT disse...

Sempre associei Calvin & Hobbes a Franco Belga, mas realmente tem razão.

Não há nada mais recente franco-belga que lhe ande a "tirar o sono" de tão bom que é de que queira falar?

Não é necessário estar editado em Portugal.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...