09 julho, 2014

Nomeados dos XII Troféus Central Comics

Encontram-se a decorrer as votações para mais uma edição dos Troféus Central Comics (TCC) que já vai para a sua XII edição. Promovidos, como sempre, pelo portal que lhes dá o nome, os TCC destinam-se a premiar as melhores obras, profissionais e amadoras, e autores publicados em Portugal no ano transacto. A particularidade dos TCC centra-se no facto de serem de votação aberta ao público (podem votar aqui e as votações encerram hoje). Dentro de um lote de obras e autores previamente seleccionados por um júri, encontram-se os nomeados distribuídos por 10 categorias. Os vencedores serão anunciados no decorrer do Central Comics Fest, que irá decorrer no dia 12 de Julho, Sábado, no Hard Club do Porto (antigo Mercado Ferreira Borges), das 11h às 20h, tendo a entrega dos prémios lugar às 17h30, no auditório principal. Para a edição deste ano são estes os escolhidos:

1. Melhor Publicação Nacional (TCCN)
As Fantásticas Aventuras de Dog Mendonça e PizzaBoy III – Requiem (Tinta da China)
Kassumai (Chili com Carne)
O Desenhador Defunto (Chili com Carne)
Os Labirintos da Água (Quarto de Jade)
Sombras (Pato Lógico)

2. Melhor Publicação Estrangeira (TCCE)
Ardalén (Asa)
Duas Luas (Polvo)
Morro da Favela (Polvo)
Rugas (Bertrand)
Super-Homem: Herança Vermelha (Levoir)

3. Melhor Publicação Clássica (TCCC)
Batman: Saga de Ra’s Al Ghul (Levoir)
Crise nas Terras Infinitas 2 (Levoir)
Lanterna Verde/Arqueiro Verde: Inocência Perdida (Levoir)
Príncipe Valente v9 – 1953-1954 (Bonecos Rebeldes)
Rosa Delta sem Saída (Polvo)

4. Melhor Publicação Humor (TCCH)
A Criada Malcriada (Objectiva)
As Aventuras de um Motard v6 (Motociclismo)
Baby Blues v30 – Indo eu, Indo eu, a Caminho do Museu (Bizâncio)
Pérolas a Porcos v9 – 50 milhões de Fãs não podem estar Enganados (Bizâncio)
Zits 17 – Estar Morto é o Contrário de estar Vivo (Gradiva)

5. Melhor Publicação Periódica (TCCP)
Disney Comix (Goody)
Graphic MSP (Panini)
Os Vingadores (Panini)
Pelezinho: Edição Histórica (Panini)
Tex (Mythos)

6. Melhor Publicação Independente (TCCI)
BDLP #3 (Grupo Extratus/Olindomar)
Crónicas de Arquitectura (Mundo Fantasma/Turbina)
Efeméride #6 – 1 de 4: Heróis de BD no Séc. XXI (Geraldes Lino)
Living Will #1 (Ave Rara)
LoverBoy na Feira das Vanessas (Chili com Carne)

7. Melhor Publicação Relacionada (TCCR)
Anos Dourados (Mundo Fantasma)
BDJornal #30 (Pedranocharco)
Comic Transfer (Polvo)
Cru #49 – Especial Ódio! (E.I.A.!)
JuveBêDê #54 (Juvemedia)

8. Melhor Obra Curta (TCCO)
Água, de André Oliveira (texto) e Jorge Coelho (arte) – Cais #180
Basket 666 – parte 1, de Catarina João (texto) e Daniela Viçoso (arte) – Zona Nippon v2
Dr. Croissant, de Afonso Ferreira – Cru #49
O Quadro, de Phermad – Espaço Marginal #0
Sayonara, de Susana Resende – Zona Nippon v2

9. Melhor Argumento (TCCArg)
André Oliveira (Living Will #1)
David Soares (Palmas para o Esquilo)
Fernando Relvas (Rosa Delta sem Saída)
Marta Monteiro (Sombras)
Francisco Sousa Lobo (O Desenhador Defunto)

10. Melhor Arte (TCCArt)
Diniz Conefrey (Os Labirintos da Água)
Fernando Relvas (Rosa Delta sem Saída)
Francisco Sousa Lobo (O Desenhador Defunto)
Joana Afonso (Living Will #1)
Marta Monteiro (Sombras)

Uma breve nota sobre as nomeações. Confesso o meu espanto na escolha do júri que nomeia o livro «Dog Mendonça e PizzaBoy III» na categoria de melhor publicação nacional mas não o nomeia na categoria de melhor argumento, sabendo quem leu o livro, que este vive essencialmente de uma história bem contada, vibrante, humorada q.b. e que fecha com chave de ouro a trilogia. Curiosamente na mesma categoria encontramos nomeada «Sombras» que se caracteriza por ser um livro de ilustrações sem texto. Igualmente não percebo como é que o júri deixa de fora na categoria de melhor desenhador Osvaldo Medina, "apenas" duplo vencedor dos Prémios Nacionais de Banda Desenhada (PNBD) e dos Prémios Profissionais de Banda Desenhada (PPBD) pelo seu trabalho em «Roleta Nipónica». Por outro lado, o meu aplauso pela nomeação de «Efeméride #6 – 1 de 4: Heróis de BD no Séc. XXI» que é injustamente ignorado nos PNBD e PPBD por força dos respectivos regulamentos. Mas claro que "cada cabeça, sua sentença" e isto aqui são apenas notas minhas. Não se esqueçam da vossa votação porque aqui decide o público e há obras e autores a concurso que merecem a nossa melhor atenção.

2 comentários:

Geraldes Lino disse...

Caro Nuno Neves

Muito grato pela referência positiva que faz ao meu fanzine Efeméride - Nº6 (Parte 1 de 4) - Heróis de BD no Século XXI, e à sua crítica ao facto de ele não constar da lista dos PNBD e PPBD. Conservadorismos, reduzida abrangência dos prémios?

Já agora, peço-lhe o favor de alterar o título de Século XX para Século XXI.
Eu sei que foi assim que apareceu inicialmente na lista de nomeados, mas chamei a atenção ao Hugo Jesus para o lapso e ele corrigiu.

Abraço.
G.Lino

Nuno Neves disse...

Olá Geraldes! É uma característica quase comum aos prémios de BD atribuídos em Portugal a sua falta de abrangência ao que melhor se faz por cá nessa área. Todos falham, quer seja pela mecânica de funcionamento do próprio prémio quer seja pelos respectivos regulamentos. Mesmo que o seu «Efeméride» não ganhe, sinceramente gosto do seu reconhecimento com a nomeação e isso já é uma vitória. Abraço

PS Lapso já corrigido ;)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...