25 setembro, 2014

Em contagem decrescente para o 25º AmadoraBD

Tinha aqui vários lançamentos para publicar, mas adio. Amanha retomo. Hoje opto por marcar o inicio da contagem decrescente para uma nova edição do AmadoraBD, que este ano comemora o seu 25º aniversário. A partir de hoje fica a faltar justamente um mês para o acontecimento.

O festival é actualmente é um tema «quente» na blogosfera bedéfila, e não pelas melhores razões. Os motivos são os de sempre, ou não tratasse de um problema crónico do AmadoraBD: a comunicação, ou melhor, a falta dela.

Oficialmente pouco ou nada se sabe. O sitio oficial está morto desde da edição de 2013. O responsável, nas anteriores edições, pelo envio da informação para divulgação, comunicou que foi afastado da organização do festival. Temos agora um quase-vazio de informação. Mas sabe-se algumas coisas. É oficial que o AmadoraBD terá lugar entre 24 de Outubro (data da inauguração) e 9 de Novembro, no Fórum Luís de Camões, na Brandoa. E o cartaz terá a assinatura da talentosa Joana Afonso. Oficialmente ficamos por aqui.

Assim, resta-nos socorrer de outras fontes, estas não oficias. A primeira pode ser quase classificada de informação previligiada. É dada por Mário Freitas, da KingPin Books, editora presente no festival. Através do seu facebook anunciou os primeiros lançamentos no festival:

NOVIDADE: Eu Mato Gigantes, de Jm Ken Niimura (já à venda)
NOVIDADE: Sepultura dos Pais, de David Soares e André Coelho (ver capa aqui).
REEDIÇÃO: Franco, Agente do CAOS: Nova Ordem, de Fernando Dordio, do Osvaldo Medina e Mário Freitas

Anunciou igualmente o nome do primeiro autor estrangeiro do festival, justamente, Jm Ken Niimura, confirmado para o fim-de-semana de 8 e 9 de Novembro.

Em termos de exposições, os autores em destaque serão Joana Afonso, Osvaldo Medina e Nuno Duarte. Haverá uma mostra da obra O BAILE, premiado como o melhor álbum dos prémios nacionais de banda desenhada no ano passado.

Outra fonte de informação, é o suplemento P3 do jonal Público. E aqui acrescenta exposições de nomes como Alison Bechdel (Fun Home), do «nosso» incansável José Ruy que comemora este ano uns extraordinários 70 anos de carreira como autor, e de João Mascarenhas com o seu fanzine BDLP – Banda Desenhada de Língua Portuguesa.

Em termos de lançamentos, refere o terceiro volume de LIVING WILL, projecto que resulta da colaboração de Joana Afonso com o argumentista André Oliveira.

"O 25º Amadora BD já está a dar que falar" para citar um comentário deixado na página oficial no facebbok do AmadoraBD. Por aqui esperamos então pelas novidades.

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...