30 dezembro, 2016

Lançamento LEVOIR: Watchmen

Poderão estranhar esta entrada a esta hora aqui no blogue, mas a verdade é que o lançamento desta magnífica obra aconteceu em pleno Verão, onde as atenções estavam legitimamente viradas para a praia, e falhou o registo aqui no blogue. Num ano onde as referências a Alan Moore em português bateram todos os recordes não podia fechar o ano sem registar aqui uma das suas melhores obras (para mim V de Vingança continua como a melhor).

A edição de Watchmen em português foi um verdadeiro acontecimento. Temos que reconhecer que só um alinhamento especial como o que ocorreu em 2016 é que podia permitir que uma editora, neste caso, a Levoir, se arriscasse numa publicação de peso como esta. E Watchmen veio ajudar a coroar um ano verdadeiramente louco onde as nossas bedetecas ficaram enriquecidas com obras como V de Vingança, Miracleman, A Liga dos Cavalheiros Extraordinários (Vol. 3) e Capitão Bretanha. Ficou a faltar Do Inferno (From Hell na sua versão original) que passou para 2017. Para a nossa história, 2016 fica como o ano “Alan Moore”. Aqui fica o Watchmen.

WATCHMEN
Considerada como a mais importante novela gráfica da história da banda desenhada, a história segue duas gerações de super-heróis, dos anos do pós-Guerra até aos tempos sombrios da Guerra Fria. A América venceu a guerra do Vietname, Nixon ainda é presidente, e a Guerra Fria está no seu auge, num mundo transformado pela presença de super-heróis. Um misterioso assassino persegue os heróis, mas aquilo que parece ser uma investigação criminal revela-se como uma conspiração mundial, que vai levar os heróis a questionarem a linha ténue que separa o Bem do Mal, ao mesmo tempo que o próprio conceito de super-herói é dissecado de maneira impiedosa.


Ficha técnica:
WATHCHMEN
De Alan Moore e Dave Gibbons
Cartonado, dimensões 17x26 cm, 432 páginas
ISBN 9789896825805
Editora LEVOIR

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...