13 fevereiro, 2007

Príncipe Valente

Faz hoje precisamente 70 anos que, através da King Features Syndicate, surgiu pela primeira vez publicado nos suplementos de banda desenhada dos jornais americanos, as aventuras do Príncipe Valente, o jovem herdeiro do destronado Rei do reino de Thule, vivido no tempo do Rei Artur, e que constitui a obra-prima de Harold Foster (1892-1982).

As principais características desta banda desenhada são a total ausência dos clássicos balões de conversação, tendo o autor optado por fazer uma narração da história, e o reconhecimento como uma das mais perfeitas, em termos de desenho, alguma vez publicadas.

Realça-se também o facto do Príncipe Valente constituir um caso raro de longevidade, continuando ainda nos dias de hoje a ser objecto de publicação em jornais de todo o mundo, incluindo Portugal, através do Diário Desportivo.

Em matéria de álbuns, por cá, o Príncipe Valente por Harold Foster (de 1937 a 1971), constituído por cerca de 1.800 páginas semanais, encontra-se actualmente a ser integralmente publicado (já saíram os 5 primeiros volumes relativos ao período compreendido entre 1937 e 1946) numa deslumbrante e magnífica colecção da responsabilidade do editor Manuel Caldas (Livros de Papel), um reconhecido admirador da arte de Hal Foster, onde as pranchas em grande formato reproduzem com enorme detalhe, para deleite da nossa visão, a perfeição do desenho das melhores aventuras deste nobre herói.

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...