28 novembro, 2022

Lançamento A SEITA: Thorgal - A Selkie

Depois de apresentadas durante o Amadora BD, as novidades da editora A SEITA começam agora a chegar às livrarias nacionais, e a primeira delas que trago aqui hoje é um novo álbum da série THORGAL, num belo regresso ao nosso mercado, que se saúda.
 
Neste segundo álbum desta nova fase das aventuras de um dos mais emblemáticos heróis da banda desenhada franco-belga, repete-se a assinatura da dupla de autores, o argumentista Yann e o desenhador Fred Vignaux,  Recordo que este último esteve presente no Amadora BD,  e que esteve patente uma bela exposição de originais (pessoalmente achei das melhores exposições do festival) dedicada a este personagem.
 
A SELKIE
Nesta aventura, Thorgal é confrontado ao mesmo tempo com o rapto da sua filha, Loba, levada para uma ilha selvagem do arquipélago de Faroé, e com a maldição ancestral de Kopakanan, a Selkie, a criatura mítica que controla sob o seu maléfico domínio toda a população dessa ilha perdida, onde, entre o vento lancinante e agreste, e as ondas de um mar revolto, perpassa uma constante mensagem de morte....
 
Ficha técnica:
Thorgal - A SELKIE
Argumento de YANN e arte de F. VIGNAUX
Capa dura, formato 215 x 285mm, cores, 56 páginas.
ISBN: 978-989-53669-5-8
PVP: € 16,00
Edição A SEITA

26 novembro, 2022

Lançamento ASA: As Aventuras de Blake & Mortimer, Vol. 29 - Oito horas em Berlim

 
Com lançamento mundial, Portugal incluído, já está disponível nas livrarias a mais recente aventura de uma das mais famosas duplas da banda desenhada. OITO HORAS EM BERLIM, com a chancela da editora ASA é o título do novo álbum de Blake & Mortimer. Neste 29º volume, Antoine Aubin coloca o seu traço eminentemente “jacobsiano” ao serviço de um argumento original de José-Louis Bocquet e Jean-Luc Fromental, que combina a grande aventura, as brumas da espionagem, os desvios da ciência e as motivações ocultas da História.
 
E como já vem sendo uma tradição no mercado nacional, este novo álbum apresenta-se, de novo, aos leitores portugueses em duas versões. A imagem da esquerda corresponde à edição em capa original, e a imagem da esquerda apresenta a chamada capa "FNAC" um exclusivo das lojas portuguesas dessa marca.

OITO HORAS EM BERLIM
Primavera de 1963.
Algures nos montes Urais, no coração do Império Soviético, uma missão arqueológica descobre sete caixões, no interior dos quais jazem cadáveres cuja pele do rosto foi arrancada. Na mesma altura, em Berlim, um homem é morto ao atravessar o Muro que divide a cidade ao meio. Antes de sucumbir, consegue pronunciar uma estranha palavra: Doppelgänger. Em princípio, estes dois acontecimentos não estão relacionados. Mas a verdade é que existe uma ligação entre a macabra descoberta e o desertor abatido, e essa ligação dá pelo nome de Julius Kranz, um cirurgião da Alemanha de Leste especialista em manipulações eletrocirúrgicas no cérebro humano. Mortimer e Blake vão ambos cruzar-se com este cientista maquiavélico e terão a desagradável surpresa de se depararem com um aventureiro sem escrúpulos, que se prepara para montar a maior mistificação da história da humanidade… 
 
Ficha técnica:
Oito horas em Berlim
Colecção As Aventuras de Blake e Mortimer - Volume 29
De Jose-Louis Bocquet, Jean-Luc Fromental e Antoine Aubin
Cartonado, dimensões 16x23,6 cm, cores, 64 pags.
ISBN 9789892355573 (edição normal)
ISBN 9789892355580 (edição FNAC)
PVP: € 15,90
Edição ASA

25 novembro, 2022

Lançamento GRADIVA: Alix Senator - Livro 7: O Poder e a Eternidade

É uma aposta fortíssima da editora GRADIVA na colecção ALIX SENATOR, ou não fosse este novo lançamento o quinto álbum do ano, correspondente ao sétimo álbum da colecção. Em França saiu este ano o 13º volume.
 
Em O Poder e a Eternidade fecha-se o ciclo. Apesar desta série ainda não me ter caído no goto, os desenvolvimento dos últimos álbuns envolvendo Khepren, filho de Enak, e a sua incessante busca que lhe provoca uma descida aos infernos, despertaram-me alguma curiosidade acerca do seu desfecho. Vou continuando a leitura sob reserva.
 
O PODER E A ETERNIDADE
Emparedados no túmulo de Augusto, Alix e Khephren aguardam a morte. O filho de Enak terá perdido tudo na sua demanda da Cibele de auricalco. Ignorando o seu destino, o imperador ordenou a Lídia, sua irmã, que destruísse o terrível ídolo escondido em Itália. Nunca ninguém deve assumir o seu controlo. Mas quem poderia resistir à promessa de obter o poder e a eternidade?
 
Ficha técnica:
Alix Senator 7 - O Poder e a eternidade
De Valérie Mangin e Thierry Démarez
Cartonado, dimensões 31,30x23,30, cores, 56 páginas.
ISBN 978-989-785-182-7
PVP: € 18,00
Edição GRADIVA
 

24 novembro, 2022

Mestre José Ruy (1930 - 2022)

Hoje o dia acordou triste. Somos apanhados na curva da vida com a notícia que nunca queremos ouvir. Morreu um dos nossos. Morreu o Mestre José Ruy. Um dos maiores, senão mesmo, o nome maior da BD nacional.
 
De uma simplicidade extrema, era um autor completo, um contador de histórias exímio, um orador fascinante. E uma história de vida digna de um belo álbum de banda desenhada. A imortalidade alcança-se com o que deixamos. E do autor prolífico, do trabalhador incansável, fica uma obra inigualável. Lembro-me quase de imediato dos famosos versos de Luís de Camões:
 
E aqueles que por obras valerosas
Se vão da lei da morte libertando
 
A minha primeira memória do seu trabalho remonta à minha juventude, do tempo em que sonhamos com policias e ladrões. Recebi um álbum, cujo título nunca esqueci, e que ainda o guardo comigo: ABC Criminal. Curiosidades e factos sobre crimes e criminosos, sobre métodos e investigação criminal. Lembro-me como aqueles desenhos realistas e expressivos exerciam um forte fascínio. Longe de pensar que anos mais tarde teria a oportunidade e o privilégio de falar desse mesmo fascínio com o próprio desenhador. Ainda no ano passado o encontrei no Amadora BD, e tivemos uma agradável conversa em que falou com aquela alegria contagiante sobre os trabalhos que tinha em mãos, sobre um álbum de Lendas Japonesas que estava a recuperar, e que já tantas vezes tinha sido adiada a sua publicação.
 
José Ruy reunia na sua pessoa uma série de qualidades que só conseguimos encontramos numa multidão. Uma humildade, uma educação, uma simpatia, uma disponibilidade, uma generosidade, um talento, que tocou a todos nós. Da minha parte, sinto-me grato por todos os encontros, todas as conversas, todos os autógrafos, pelo mundo de aventuras que nos legou.
 
Um Grande Obrigado Mestre!

23 novembro, 2022

Colecção O GRÃO-DUQUE: Vol. 3 - Wulf & Lilya

Hoje nas bancas temos o terceiro e conclusivo álbum da colecção O GRÃO-DUQUE que a parceria ASA/Público, em boa hora, trouxe até nós. 

Mesmo para aquele público que não se interesse por banda desenhada, ou leitor que goste não toma particular atenção à temática da aviação militar, não consegue ficar indiferente ao rigor histórico e detalhado seguindo no desenho dos aviões e nos combates aéreos, por parte de Romain Hugault.

WULF & LILYA
Primavera de 1945.
A operação “Bodenplatte” foi um fracasso total e, para a Luftwaffe, o fim da linha está a chegar. Sob a esmagadora pressão em todas as frentes, os aviões alemães não conseguem fazer frente a um inimigo implacável, determinado e, sobretudo, em manifesta superioridade numérica. Todos os aparelhos ainda em funcionamento passam a concentrar-se na linha de defesa do Reich, mas o arrogante Império vai ficando cada vez mais reduzido a cada dia que passa. Devastado pela morte da filha, Wulf acumula missão atrás de missão num paroxismo de frenesim assassino. Em rigor, já não tem nada a perder: cada uma das suas surtidas é uma tentativa inconsciente de suicídio, mas a verdade é que as vitórias pessoais sucedem-se... Prestes a atingir a meia centena de combates vitoriosos, é informado de que o Führer o espera em breve em Berlim para ser condecorado. Quanto a Lilya, a “feiticeira vermelha”, continua a combater sem piedade o inimigo nazi. Mas se, no combate aéreo, a sorte de cada um só ao diabo pertence… neste caso, Cupido decide intervir.
 
Ficha técnica:
Colecção O Grão-Duque, vol. 3 - Wulf & Lilya
De Yann (argumento) e Romain Hugault (desenho)
Capa dura, formato 240x320 mm, cores. 
PVP: € 10,90
Edição ASA
 

22 novembro, 2022

Lançamento DEVIR: One Piece, vol. 1 - A alvorada da aventura

Já saiu para os habituais pontos de venda aquela que é sem dúvida, seja vista por qualquer óptica,  a edição do ano da DEVIR. É o ponto alto das celebrações este ano do 10º aniversário de edições mangá desta editora. Falo muito naturalmente da grande aposta que é a edição de ONE PIECE, de Eiichiro Oda em português. Este é "só" (obviamente entre parêntesis) o título mangá mais vendido de sempre em todo o mundo e a uma considerável distancia ainda do segundo classificado (por curiosidade, o mangá Dragon Ball). 

E este lançamento nacional traz vários vários atractivos. É naturalmente o primeiro volume de uma popular colecção, chega numa edição tripla, que reúne os volumes 1, 2 e 3, e o preço de capa apresenta um desconto de 33%, o equivalente a uma promoção de leve 3 pague 2! é compra garantida!

E tudo começa quando um navio pirata atracou no porto de uma pequena aldeia....

A ALVORADA DA AVENTURA
Na sua infância, o maior desejo de Luffy é tornar-se pirata, como Shanks “O Ruivo”. Quando acidentalmente come a fruta Gomu-Gomu, ganha o poder de esticar como borracha, mas nunca mais consegue nadar. Mesmo assim, sem nunca desistir do seu sonho, Luffy embarca numa aventura em busca do lendário tesouro “One Piece”, procurado por piratas de todo o mundo.
 
Ficha técnica:
One Piece, vol. 1 - A alvorada da aventura (edição tripla)
De Eiichiro Oda
Capa mole, 126x189 mm, p/b, 612 páginas.
ISBN: 978-989-559-540-2
PVP: € 19,98
Edição DEVIR
 

19 novembro, 2022

Lançamento ARTE DE AUTOR: O Castelo dos Animais, vol. 3 - A Noite dos Justos

Começo pelo óbvio: esta capa é linda!!

Quase que se podia dizer que para o final estava guardado o melhor.  A editora ARTE DE AUTOR anunciou o lançamento do terceiro álbum da emocionante e trágica história O CASTELO DOS ANIMAIS, da autoria de Xavier Dorison e Felix Delep.

Inspirado no clássico conto de George Orwell, a alegoria do totalitarismo, o retrato da luta e resistência dos mais fracos face aos mais fortes, tem aqui nesta obra umas das suas mais belas adaptações gráficas. E se a narrativa é magnifica, o desenho é de excelência. Recomendado desde do primeiro álbum.
 
A NOITE DOS JUSTOS
Juntamente com o coelho César e o velho rato Azelar, Miss B tem de convencer os animais a não cederem à violência para pôr fim ao reinado de Sílvio... No castelo, a ditadura continua. Graças aos esforços de Miss B, e com a chegada da Primavera, os animais estão a lutar para reacender o movimento pacifista das Margaridas. Mas Sílvio certamente não vê as coisas dessa forma, e o touro ditador está desesperado por manter o seu poder. Com a ajuda das suas cruéis milícias caninas, ele decide mandar colocar os animais rebeldes nas masmorras. Mas Miss B e os seus amigos responderão mais uma vez com astúcia... e solidariedade!
 
disponível na loja da editora.
 
Ficha técnica:
O Castelo dos Animais, vol. 3 - A NOITE DOS JUSTOS
Argumento de Xavier Dorinson e desenho de Félix Delep
Edição cartonada, formato 232x310, cores, 72 pags.
ISBN: 978-989-9094-18-5
PVP: € 21,50
Edição ARTE DE AUTOR

18 novembro, 2022

Lançamento EDITORIAL PRESENÇA: Solo Leveling - volume 2

Depois da sua estreia neste universo, a EDITORIAL PRESENÇA avança agora para o nível seguinte, e isto é, para o lançamento do segundo volume de SOLO LEVELING, o mangá de origem coreana, que como já referido anteriormente desenvolve-se num universo fortemente inspirado pelos videojogos.
 
SOLO LEVELING 2
Passou ao nível seguinte...
Desde que aqueles portais desconhecidos apareceram nos quatro cantos do mundo, a humanidade teve de encontrar forma de combater os monstros que deles saíam. Caso contrário, os humanos acabariam por ser massacrados pelas mais terríveis criaturas. Os Caçadores são destemidos e não têm medo de entrar nas dungeons para lutar com os seres que lá se escondem. Seong Jinu, conhecido por ser «o mais fraco de todos os caçadores», sobreviveu à primeira incursão e está prestes a descobrir que, apesar de estar vivo, alguma coisa em si mudou…
 
Já disponível nas livrarias.
 
Ficha técnica:
SOLO LEVELING - volume 2
De Chugong
Capa mole, 14,7 x 21, cores, 216 páginas.
ISBN: 978-972-23-7017-2
PVP: € 16,90
Edição EDITORIAL PRESENÇA
 

17 novembro, 2022

Lançamento ARTE DE AUTOR: Um Conto de Natal - Uma História de Fantasmas

A ARTE DE AUTOR é outra das editoras que igualmente antecipou o Natal, ou não tivesse anunciado agora o lançamento deste Conto de Natal - Um História de Fantasmas, numa adaptação livre para banda desenhada, pelo espanhol José Luis Munuera, do clássico conto de Charles Dickens.

Munuera, cujo belo trabalho gráfico já conhecemos da colecção Spirou, nos últimos álbuns editados por cá (Paris Submersa, O Homem que não queria morrer e Spirou e Fantásio em Tóquio), deciciu reinventar Conto de Natal. Afinal vivemos na era do reinício, onde regularmente os nossos heróis favoritos recebem um novo começo. E quem conhece melhor os novos começos do que Scrooge? Todos sabemos qual foi a sua postura no Natal, mas Munuera pergunta se as coisas teriam sido diferentes se ele tivesse sido mulher...
 
UM CONTO DE NATAL
Londres, 1843. Todos os habitantes, tanto os mais ricos como os mais pobres, estão a preparar-se para celebrar o Natal. Todos excepto Elizabeth Scrooge, uma mulher de negócios, rica e insensível à desgraça dos outros, bem como à atmosfera de júbilo que banha a cidade, só o trabalho e o dinheiro são importantes. Diz-se que ela é egoísta e mesquinha. Ela prefere pensar em si própria como prática. E enquanto as festividades iluminam a cidade e os corações dos seus habitantes, Scrooge geme sobre a sua misantropia... Uma noite, os espíritos vêm visitá-la. Levam-na com eles, para conhecer a jovem rapariga que era, alguns anos antes, quando a ganância ainda não lhe tinha comido o coração....
 
disponível na loja da editora.
 
Ficha técnica:
Um Conto de Natal - Uma História de Fantasmas
Argumento e desenho de José-Luis Munuera
Edição cartonada, formato 210x285, cores, 80 págs.
ISBN: 978-989-9094-19-2
PVP: € 19,95  |  Edição ARTE DE AUTOR

16 novembro, 2022

Colecção O GRÃO-DUQUE: Vol. 2 - Camarada Lilya

[Actualização: afinal não houve hoje a distribuição deste segundo volume devido a um problema na distribuidora. Amanha o álbum estará disponível nos habituais pontos de venda]
 
Hoje, nas bancas,  encontramos segundo volume da boa surpresa que foi esta colecção O Grão-Duque da dupla Yann e Hugault, pela parceria ASA/Público.

CAMARADA LILYA
Outono de 1944.
O exército soviético lançou uma vasta contra-ofensiva que tem como consequência o completo desmoronamento da frente alemã. Noa ares, completamente destroçada, a Luftwaffe tenta desesperadamente resistir às inúmeras revoadas de caças soviéticos, mas é incapaz de conter o inexorável avanço do Exército Vermelho. Na sua maior parte, os soldados alemães estão mortos e as patrulhas aéreas soviéticas só encontram pela frente pilotos pouco combativos e inexperientes. Para a camarada Lilya é a hora do triunfo; ao passo que, no campo do adversário, cuja moral nunca esteve tão baixa, a sobrevivência do tenente Wulf passa a depender apenas da sua coragem, do seu virtuosismo, do seu instinto e talvez até do talismã que lhe foi oferecido pela filha, a pequena Romy. A missão seguinte leva-o até à bolsa de Graudenz, cercada pelos soviéticos, onde mais uma vez a experiência e talento do oficial alemão lhe valem uma vantagem inicial. Mas tudo pode mudar em ambos os lados do conflito e a intrépida “Feiticeira da Noite” vai ser a primeira a sofrer isso mesmo…

Ficha técnica:
Colecção O Grão-Duque, vol. 2 - Camarada Lilya
De Yann (argumento) e Romain Hugault (desenho)
Capa dura, formato 240x320 mm, cores. 
PVP: € 10,90
Edição ASA
 

15 novembro, 2022

Lançamento ALA DOS LIVROS: A Adopção

E quando pensávamos que depois da loucura de lançamento que houve em Outubro as nossas editoras tivessem fechado já a loja por este ano, eis Novembro que se tem mostrado uma caixinha de surpresas. Depois da Asa nos ter surpreendido com a colecção O Grão-Duque (e ainda com o segundo volume do Spirou de Émile Bravo), a ALA DOS LIVROS também antecipa o Natal e traz-nos de Zidrou - um autor bastante apreciado deste lado - a obra A ADOPÇÃO, que conta com a arte de Arno Monin.
 
A edição portuguesa chega em versão integral, reunindo num único volume os dois tomos da edição francesa dedicados à história de Qinaya e, para além de apresentar uma nova capa, contem ainda um caderno suplementar de pesquisas gráficas das personagens destes álbuns.

A ADOPÇÃO
Com a adopção de Qinaya, uma órfã peruana de 4 anos, por parte de uma família francesa, a vida de todos os envolvidos sofre uma reviravolta. Mas, para Gabriel, a adopção torna-se ainda mais complicada: ele, que nunca tivera tempo para ser pai, terá de aprender a ser avô. Dos primeiros contactos frios e distantes aos momentos partilhados, Gabriel e Qinaya irão, pouco a pouco, criar laços que o velho casmurro estava longe de imaginar. Até que…
 
disponível na loja da editora.

Ficha técnica:
A Adopção
De Zidrou e Arno Monin
Cartonado, 235x320 mm, cores, 144 páginas. 
ISBN: 978-989-9108-09-7
PVP: € 29,90
Edição ALA DOS LIVROS