18 agosto, 2011

Novos Rumos / Empurrãozinho

Entre os vários canais de diversificados que dispõe para informar sobre os seus programas de apoio financiados, a Comissão Europeia tem apostado na edição em Banda Desenhada para a divulgação de histórias de sucesso inspiradas em casos verídicos seleccionados entre cidadãos europeus que aceitaram dar o seu testemunho sobre a forma como souberam ultrapassar barreiras e dar novos alento às suas vidas.



Neste contexto, o primeiro exemplo foi dado em 2010 com a edição de “Novos Rumos”, um álbum que conta quatro exemplos de vidas que por força de diversas circunstâncias enfrentaram situações de desemprego: Julie, uma jovem mãe solteira, sem estudos e desempregada (abaixo 1º prancha, parte superior esquerda); Viktor, um jovem estudante e músico invisual (2ª prancha, parte superior direita); Pedro (o caso português) um empresário que vê obrigado a fechar o seu negócio devido à crise (3ª prancha, parte inferior esquerda); e Fianne, uma jovem com um passado criminal que é despedida (4ª prancha, parte inferior direita).





No seguimento deste álbum, a Comissão Europeia lançou este ano a segunda parte destas histórias de sucesso, num novo álbum intitulado “Empurrãozinho”. São quatro novas histórias de vida, quatro percursos: Alex, um jovem que recebe uma proposta de negócio mas que não consegue financiamento para a concretizar (abaixo 1ª prancha, parte superior esquerda); Nataline, uma jovem modelo que por motivos de saúde decide mudar de vida (2ª prancha, parte superior direita); Ivana, uma jovem sem rumo que acidentalmente descobre o seu talento como estilista (3ª prancha, parte inferior esquerda); e Dimitra, uma jovem de etnia cigana cuja mãe precisa de cuidados de saúde (4ª prancha, parte inferior direita), aqui num registo de combate à exclusão social.





Todas as histórias têm como denominador comum o argumentista Rudi Miel (autor também de “Águas Perigosas”) que através de uma narrativa bastante simplista, conduz o leitor nas várias situações com a apresentação dos problemas mas focando-se nas soluções, que obviamente se traduzem depois em finais felizes. As dificuldades sociais retratada são infelizmente situações bastantes comuns e actuais, sendo os jovens que estão em inicio de vida aqueles que talvez mais facilmente se identificam com as várias histórias.

Os desenhos, da responsabilidade de autores com obras publicadas, nomeadamente em França, mostram-se igualmente simples e competentes. Vanyda (na história de Julie), Christian Durieux (Viktor), Sylvain Savoia (Pedro), Gihef (Fianne) que assinam no primeiro álbum e Alexandre Tefenkgi (Alex), Maud Millecamps (Nataline), Vanyda (Ivana) e You (Dimitra) no segundo, tem um registo gráfico de linha clara realista que vem na linha do que é hábito neste tipo de publicações da UE.

Em resumo, dois álbuns interessantes, de fácil leitura, onde as narrativas e os desenhos num ponto de vista de BD institucional cumprem satisfatoriamente com o seu único propósito de informar. De mensagem simples e eficaz.

Novos Rumos
Autores: Rudi Miel (argumento), Vanyda, Christian Durieux, Sylvain Savoia, Gihef (desenho)
Álbum a cores, cartonado
Edição: Comissão Europeia, 2010, 60 p.

A minha nota:

Empurrãozinho
Autores: Rudi Miel (argumento), Alexandre Tefenkgi, Maud Millecamps, Vanyda e You (desenho)
Álbum a cores, cartonado
Edição: Comissão Europeia, 2011, 60 p.

A minha nota:

Estas edições estão disponíveis em língua portuguesa e podem ser obtidas gratuitamente em papel ou descarregadas em formato pdf nos seguintes links:


Adicionalmente, informo que a Comissão Europeia desafia os vários autores para o envio de propostas de argumentos e/ou os seus desenhos inspirados em histórias de vida semelhantes. Os trabalhos deverão ser enviados para a seguinte morada: esf@ec.europa.eu. A promessa, que não é minha mas da Comissão Europeia, é a de publicar os melhores no sítio web ou numa próxima BD.

12 comentários:

Bongop disse...

A BD divulga-se e vende-se bem na Europa... aqui não sei se têm muita sorte!

Se tudo correr como é normal por cá, os livros que mandarem ficam todos a dormir no armazém...

Abraço

verbal disse...

Olá Bongop, não percebi o contexto da teu comentário. Eu tenho recebido todos os livros que mando vir da Comissão Europeia, o últimos dos quais até foi este o "Empurrãozinho". Dormem todos agora é nas prateleiras da minha bedeteca! lol
Abraço

João Amaral disse...

Ora aí está um projecto que parece ser interessante. E de modo geral, gostei do material que aqui colocaste, o que me irá fazer dar uma espreitadela aos links que referiste. Confesso que o único livro que conhecia era o tal Águas Perigosas. Obrigado pela divulgação. Abraço.

Bongop disse...

Verbal
O contexto era o seguinte:
Os portugueses andam bastante alheados das leituras (sejam elas BD ou livros normais), e cheira-me que muito pouca gente pede esses livros... claro que também posso estar enganado!
Mas diz-me lá como se pede esses livros, é que eu não sei, e penso que a grossa maioria das pessoas que são consumidoras BD também não sabe. Estou a especular um pouco, mas penso que terei razão.
Podes fazer uma adenda ao teu post e dizes onde, e como, se pode arranjar esses livros!
(Para ver se ficam menos no armazém...)
:)

Abraço

verbal disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
verbal disse...

Bongop, agora fiquei desconcertado com o teu pedido... quase no final do texto estão os links para o pedido em papel e/ou donwload em pdf e tu dizes que não sabes como é que se faz ?!

Estou a ver que malta nem lê os livros nem os textos nos blogues!!!

Procura lá os links no texto e faz o favor de mandar os vários livros que estão disponíveis! Abraço

Bongop disse...

Sorry Verbal!
:)
O PDF saltou-me à vista e e fez-me passar a parte que dizia em papel!
Assumi que estavas colocar links para descarregar online!
Mea culpa!
:P

Abraço

Labas disse...

Obrigado pela dica Verbal! ;)
Eu como trabalho perto da Comissão Europeia, telefonei para lá e eles deixaram um exemplar de cada livro no segurança.
Foi só passar e levantar! Simples!
Já li e achei interessante, tanto mais que também conheço um caso da boa ajuda dos fundos europeus para um começo de vida.

refemdabd disse...

Já está! Muito boa dica, obrigadão.

verbal disse...

Caríssimos, sempre às ordens!

refemdabd disse...

Já os recebi e fiquei muito surpreendido pela boa qualidade dos textos, desenhos e mesmo pelo "binding". Vieram do Luxemburgo, muito bem empacotados (à lá Amazon) e chegaram em cinco dias úteis.

verbal disse...

Ola Refém, concordo que tanto a edição como o serviço de entrega surpreendem pela positiva!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...