30 abril, 2010

Novidades da ASA

Num fórum bedéfilo dedicado à banda desenhada franco-belga, a responsável pela edição da ASA, levantou a “ponta do véu” sobre os próximos lançamentos desta editora.

Entre as novidades anunciadas, eu destaco desde já, uma excelente surpresa: em Junho sai o quinto álbum de “Bouncer”. Pois é, já lá vão quase cinco desde do último álbum, e não sei se as duas visitas do autor ao nosso país ajudaram, mas finalmente que se conclui o arco que começou com ”A Justiça das Serpentes” (tomo 3) e teve a continuação em “A Vingança do Carrasco” (tomo 4). A ASA descobre que há mais banda desenhada para além das reedições!

Ainda para Junho também está previsto o lançamento de "As Viagens de Lois - Portugal" que já tinha falado aqui. Entretanto, em venda exclusiva na FNAC, já saiu "" de Hugo Pratt, o 1º álbum da nova colecção de Corto Maltese, em edição especial cartonada (especial também no preço) sendo que também para Junho está prevista uma edição normal brochada.

Já no próximo dia 6 de Maio é lançado o terceiro álbum da série "Borgia". Entretanto, numa passagem hoje pela FNAC, descubro o 1º álbum da colecção "Alix", a mesma que está a sair semanalmente com o jornal Público, mas em capa dura. O Pedro Cleto informa no seu blogue que esta é uma edição especial disponível (apenas) nas lojas FNAC uma edição limitadíssima de 300 exemplares, com lombada igual aos volumes já editados pela ASA. Ou seja, pode o leitor/coleccionador optar pela edição em capa mole do jornal Público a €6,40 ou pela edição em capa dura da FNAC a €14,90. Da minha parte, a colecção do Público já era!

Fica-se entretanto a aguardar novidades (leia-se datas de lançamento) para os álbuns "Blacksad" (volume 4) e "A Teoria do Grão de Areia" (volume 2).

Até lá, boas leituras!

3 comentários:

refemdabd disse...

Boa, boa! Bouncer, até que enfim. Faltam o Armazém Central, Murena e XIII (Torinth também era bom que não ficasse como está).

Comprei o Mú e gostei especialmente da introdução, já o novo formato do álbum não me incomodou tanto quanto esperava, o que também é bom. O "poster" de oferta é pobrezinho, muito pobrezinho. O preço de 33,50 euros não é nada bom para um álbum. A edição cartunada de 1000 exemplares, diz-se limitada! 1000 álbuns é limitada? Afinal há muita gente a comprar BD, o que é definitivamente bom.

Também comprei o Alix e vou continuar a comprar esta edição, mas apenas vi o primeiro tomo quando se diz que sairiam dois por mês, presumo que não sejam na mesma data; vejamos se consigo apanhar todos.

verbal disse...

Viva Refém,
O 5º do BOUNCER era quase que era obrigatório, apesar de em Portugal nada ser certo. Tardou mas não vai falhar (acho!).

Quanto ao XIII já perdi a esperança, porque pelos vistos perdendo-se a oportunidade da co-edição, os eventuais custos de assumir uma edição sozinho não devem ser cobertos pelas vendas.

Quanto ao MÚ, já o tenho mas ainda não o abri. O poster é o oferta idiota que serve para descargo de consciência do editor pelo preço estupidamente alto que pratica! A estes preços, estas edições são limitadas e eternas, porque não acredito que existam cá neste rectângulo, 1000 devotos!

Quanto ao ALIX, só não gostei da "jogada à portuguesa". Sem qualquer pré-aviso, lançam primeiro a colecção em formato normal. O pessoal compra e depois passado algum tempo surge então a cartonada. Porque que não me foi dito logo de inicio para eu poder optar? Eu que quero fazer a colecção em capa dura, o que é que faço com os seis álbuns em capa mole?? É a ASA no seu melhor e no seu pior!

Abraço

RuiR disse...

Olá Verbal,

Bem que nós desejamos este Bouncer para a edição do AmadoraBD do ano passado. Mas pronto, acho que esta foi das melhores notícias que recebi este ano.

Também comprei o Mú e o Animal'z na fnac e realmente aquelas ofertas das gravuras é um bocado ridicula, não vejo qual o interesse de pôrem aquele rodapé com publicidade. O mais certo é um dia destes cortar aquilo. Realmente pelo preço que cobram deviam ter mais consideração pelos compradores. Vá lá que comprei aquilo na feira do livro da fnac e consegui mais algum desconto.
Quanto ao Alix, também vi qualquer coisa na Fnac mas nem reparei que eram os mesmos livros que estão a sair no Publico, pensei que eram as edições que a ASA já tinha feito anteriormente. Realmente não se percebe muito bem estas decisões.
Abraço

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...