20 agosto, 2010

Novidades, novidades, novidades...

Preparem-se! Nos meses que faltam até ao final do corrente ano, haverá para os bedéfilos leitores de franco-belga, BD como há muito que já não estávamos habituados. É verdade que este ano se tem revelado bastante generoso, mas o que se avizinha e em tão curto espaço de tempo é fartura. A responsável pelo departamento de BD da ASA, Maria José, revelou num acto de grande generosidade, num fórum de discussão na internet, o que para aí vêm. E a tomar com o certo os lançamentos nacionais quase em simultâneo com as edições francesas, permite calendarizar, mais semana menos semana, as seguintes datas para as novidades (entre parêntesis coloco a data de lançamento em França):

Assim, em Setembro temos logo a abrir o novo Spirou intitulado “Alerta aos Zorcons” (dia 03/09), corresponde ao n.º 51 da série, o que não deixará de provocar um buraco na colecção portuguesa, uma vez que o último cá publicado corresponde ao 49º “Spirou em Tóquio”. Ficou a promessa que o buraco será tapado. Para meados do mês, seguir-se-á o bastante esperado Blacksad 4 - “O inferno, o silêncio” (17/09) da dupla espanhola Canales e Guarnido e ainda início da (re)publicação das aventuras de Tintin (atente-se que não escrevi Tintim) com a edição dos dois primeiros álbuns desta nova colecção.

Em Outubro está previsto o novo Lucky Luke, que em Portugal terá o título de “Lucky Luke contra Pinkerton” (15/10) ,da excelente dupla Achdé e Gerra, que tão bem tem tomado conta da herança de Morris.

Chegados a Novembro, temos a continuação do "Escorpião" com a publicação do 6º álbum desta colecção. O segundo volume das aventuras de Blake e Mortimer, “A Maldição dos 30 denários” será publicado em França a 26/11. Por cá penso que só mesmo em 2011 ou talvez não!

A juntar a isto tudo, espera-se que Vitamina BD lance os álbuns, que até chegaram já a ser anunciados através de newsletter, da colecção Jeremiah, o intitulado “O gatinho morreu” que é apresentado como um álbum carregado de tensões e dúvidas que poderão abalar a relação entre os protagonistas da série, Kurt e Jeremiah, e ainda o novíssimo “Bernard Prince” que regressa após longa ausência,

Entretanto, todas as Quartas-feiras e até 10 de Novembro, juntamente com o jornal Público continua a publicação da colecção completa de Gaston.

Pergunto se haverá carteira que aguente?

10 comentários:

João Amaral disse...

Há aí várias coisas que se aguardam com ansiedade, nomeadamente o novíssimo Bernard Prince, do qul já pude ler algumas páginas em pré publicação na DBD. Um abraço.

RuiR disse...

Realmente, em ano de suposta crise, já não basta os políticos a irem-nos à carteira também tinha de vir a ASA ajudar LOL
As reedições do Tintin é que não estava mesmo nada à espera que lhes pegassem. Daqui a nada ainda lhes dedicam a celebre canção do Zeca Afonso " eles comem tudo, ... e não deixam nada"
Ironias à parte, parabéns para as duas editoras que nos vão mantendo "felizes"

Para ser justo... parabéns um "bocado mais grandes" para a ASA :-)

Bongop disse...

Novidades... novidades...
:D
Elas são muitas para este fim do ano!
Em relação à Vitamina, acho que está mesmo a precisar delas (vitaminas), pois este ano foi muito, muito fraco.
Tenho duas séries para acabar, e estou a ver que vou morrer na praia com elas1 Universal War 1 e Korrigans.
É quase só uma editora a trabalhar em Bd neste cantinho à beira-mar plantado...

Abraço

verbal disse...

@João, tb eu já vi algumas pranchas. o desenho continua excelente. Quero acreditar que este álbum sai mesmo por cá até ao final do ano. Abraço

@Rui e @Bongop, este ano é um ano ASA. Não fiz as contas, mas estimo que em média tenha saído um álbum inédito da ASA todos os meses. Cinco estrelas!
Quanto à VitaminaBD é a desilusão do ano. Abraço

refemdabd disse...

Nhica-se, consegui finalmente entrar no teu blog! Há uma incompatibilidade qualquer que me fecha o explorer cada vez que entrava no teu blog.

Bem, só boas notícias. Até esfreguei as maõzinhas de contente.

Não emigrei, respondendo-te, mas cada vez tenho mais vontade de o ter feito.

Quanto ao Spirou, que é um dos meus personagens de sempre, tenho receio desse buraco...ver Valerian.
Também tenho muita pena de não terem sidos editados aqueles fora de colecção excelentes dos quais apenas tenho o número dois (Les Marais du temps, por Frank Le Gal) e o número quatro (Spirou, le journal d'un ingénu, por Émile Bravo), ficou a faltar-me o terceiro (Le Tombeau des Champignac, por Tarrin e Yann) já que o primeiro foi publicado em português pela parceria Público/ASA (Os Gigantes Petrificados, por Yoann e Vehlmann).
Da colecção especial do sexagésimo quinto aniversário, arquivos Spirou, apenas foi publicado em português na parceria acima referida o título "A Herança", ficando por publicar "Radar, le Robot", "La voix sans maître" e "Fantasio et le fantôme".
Ainda tenho esperança de ler todos em português.

Quanto ao Tintin, apesar de também os possuir a todos, muitos por diferentes editoras, gostaria bastante que incluissem os títulos "O mistério do tosão de ouro" e "Tintin e as laranjas azuis"; eu sei que são género "fotonovela", mas seria fantástico não termos que pagar largas dezenas de euros por edições velhas em português do Brasil.

diogosr1 disse...

São grandes noticias mesmo. Têm sido mesmo muitos lançamentos já não falando da colecção Alix e Gaston ou mesmo dos Passageiros do Vento que já nem me recordo foi editada este ano...
Quanto ao Spirou, o nº 50 não é o único buraco desta colecção. Ficou a faltar, para além dos álbuns fora de série referidos, o nº 32 - Les Faiseurs du Silence. Diga-se que é fraquinho, mas enfim, consta na minha colecção que tem que estar completa!
Aguardo com muita expectativa os próximos lançamentos, e uma palavra de apreço à Vitamina BD / BDmania, que ao contrário de outros anos, tem estado bem mais sossegada, esperando eu que a bomba exploda no final do ano!
Ainda assim, PARABENS ASA e MJP!!!

Manuel Frederico disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Manuel Frederico disse...

"Tenho duas séries para acabar, e estou a ver que vou morrer na praia com elas1 Universal War 1 e Korrigans."

LOOL,mas então as co-ediçoes eram tao boas e rentaveis.
Será que a Casta tambem já rodou nessa??
E a(s)editora(s) irmas tambem vão pela mesma linha manchada de negro.Só que eu não dependo deles para ler comics e fb,graças a deus.:P

As melhores notiçias são mesmo ASA com novo Lucky Lucky,e Blacksad.
Hermann é overrated só vale pelo desenho.

"o que não deixará de provocar um buraco na colecção portuguesa,"

Lá isso é não saber contar,com essa já sao 3 vezes Valerian,Lucky Luke e Spirou.

verbal disse...

Olha, olha o amigo Refém! Seja bem-aparecido! Só mesmo o Cid para te fazer sair do estado de letargia em que parecias ter caído! ;)

Falando de BD, começo pelo Spirou. O Spirou é daquelas colecções que sofre de várias perturbações. Começa logo por ter títulos fora da série principal. O mesmo problema que afecta o Blueberry. Não há aposta nesta segunda linha de álbuns. Os foras da colecção parecem-me daqueles que dificilmente terão publicação entre nós. Depois a colecção que resultou da parceira entre a ASA e o Público não foi bem pensada. Teve o condão de recuperar a colecção, ainda que editada de uma forma completamente anárquica relativamente à cronologia oficial, mas com atenuante de incluir oito títulos inéditos da série principal; mas por outro lado, a inclusão de títulos bastante recentes, que não se justificava (por exemplo o álbum “Paris Submersa”) roubou espaço e deixou inexplicavelmente um buraco na colecção provocado pela ausência do álbum n.º 32. O buraco deixado agora pelo n.º 50 quer-me parecer que é consequência da política de co-edição. Passou o timing para o publicar. A julgar pelo Valerian vamos ter de (des)esperar alguns anos!

Quanto ao Tintin, vou esperar para ver a colecção proposta e a qualidade da edição!

No que respeita à VitaminaBD, muito sinceramente não espero nada deles. Todos os álbuns falados (Universal War, Korrigans, Jeremiah, Bernard Prince) e ainda mais alguns (Casta, Do Outro das Nuvens) foram dados como certos para publicação há já algum tempo (alguns mesmo falados para… 2009!!!) mas a verdade é que tardam em sair para as bancas. Não sei se a culpa é da crise, porque se olharmos para ao outro lado, vemos que a ASA publicou este ano como há muito não se via e a parceira com o Público continua a jorrar! Como o Bongop disse há falta de vitamina na VitaminaBD! Esperemos pela Amadora BD, que me parece ser uma boa montra, para ver o que acontece!
Adicionalmente, acrescento que ao contrário da VitaminaBD, a BDMania tem-se pautado por uma certa regularidade de edição e de compromisso. Pessoalmente só grande fã das edições deles da Marvel!

Quanto ao Lucky Luke, a ASA tem cumprido integralmente com esta nova colecção assinada pelo Achdé e Gerra, pelo que mais não peço

Abraço

Manuel Frederico disse...

"a BDMania tem-se pautado por uma certa regularidade de edição e de compromisso. Pessoalmente só grande fã das edições deles da Marvel"

Verbal ai tenho que discordar eles tem pessimas traduçoes e encadernaçoes(Marvels,X-men deslumbrantes???,etc),quando as vejo fico com saudade das Devir,apesar dos pesares,mas de momento estou rendido aos originais.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...